segunda-feira, 25 de maio de 2009

ERRO/ERRANDO

Já nasci errado

De uma mãe divorciada e de um pai que não queria ser pai

De irmãos com quais jamais pude dividir brinquedos e amigos que se tornaram mais que irmãos

Um tio que virou pai e de correto virou errado

Erro que por sua vez me fez perder o tal "mix familiar"

Erro...

Errados...

Eu to cansando disso

To cansado de ser à bala na tua arma

Porque você tem que me colocar a frente de todos os teus problemas

Chega de me julgar

Chega de ser julgado

Chega de me fazer ser sempre um erro

Errado, eu?

Nenhum comentário: