quarta-feira, 29 de julho de 2009

Porque nunca fiz amigos tentando ser interessante...

"E acredito tanto na minha intuição e na minha sensibilidade que confio que sempre haverá a troca de um jeito torto, truncado ou fluido eu só dependo da minha criatividade: com ela eu escolho se usarei meus vazios e minhas decepções pra me lamentar ou como espaços que eu tenho pra crescer ou, ainda, se saberei aceitar amor e confiar simplesmente. É por isso que críticas podem até me baquear, mas não me desnorteiam e que elogios me nutrem, mas não me envaidecem (mais)...Porque nunca fiz amigos tentando ser interessante..."

Marla de Queiroz

domingo, 26 de julho de 2009

Novos sentidos/motivos

Lá por fevereiro falei sobre novos rumos, projetos e mesmos princípios, mas e ai?
Preciso parar pra rever os conceitos e se saber se isso esta mesmo acontecendo como Eu quero que aconteça.
Eu aprendi depois de muita discussão e lágrimas que eu tinha que me amar mais, querer mais pra mim. Por mim.
Um amigo me disse uma vez que eu tinha que eu tinha que aprender a conviver mais comigo, me suportar... aprender estar bem estando sozinho.
Confesso que no momento eu achei que conseguiria ou que era papo de um eterno solteirão.
Errado, como se mesmo amando alguém devêssemos deixar de viver ou de estar de bem com nos mesmos.
E quando eu me vi verdadeiramente sozinho foi bem complicado. Ir ao cinema, almoçar e dormir, eu não conseguia. Entrava em crise, chorava um verdadeiro pânico (literal mente).
Mas eu consegui, hoje eu sou a minha melhor companhia, meu orgulho.
Não que eu não sinta a falta do aconchego, cheiro, gosto... Aprendi com alguém muito especial que eu precisava querer por mim viver por mim.
Ah! Vocês lembram dos talheres?
Pois é a ultima novidade se chama aspirador de pó!
"Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é ..."
Cecília Meirelles

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Eu gostaria de uma amizade sadia

Uma amizade sadia, sem crises, sem interesses, ou melhor, simplesmente verdadeira.

Sempre fui assim com os meus amigos, por que penso que toda a relação seja ela familiar ou até mesmo social precisa definir se existe ou não amizade.

É difícil eu me enganar com as minhas amizades. Pode acontecer, mas difícil.

Talvez isso fuja do meu controle às vezes, por ser queridinho, disponível de mais. Às vezes penso que devo acreditar menos nas pessoas ou por completo.

Mas esse não seria o melhor caminho a seguir, mas o que fazer?

Posso me tornar menos acessível e mais seletivo.

Algumas pessoas entram em nossas vidas como se precisassem muito de algo que nos pertence, algo que sozinhas (nesse caso em um território novo, desconhecido) não conseguiriam (nesse caso o carisma).

E pior que analisando os últimos dias, penso que uma amizade verdadeira nunca houve não da outra parte.

E sinto muito por isso, não por mim.

Aprendi com a vida que quando algo vale muito a pena deve-se ir atraz sem pensar o que isso irá causar (e vocês bem sabem que isso já aconteceu muiiitas vezes), mas também sei que quando não existe mais um "porque" de estar juntos o melhor é se afastar e ver que na verdade nunca existiu um sentimento e o quanto é triste ver que nem um "vazio" ficou.

Como diz Dna.Eva em seus momentos de sabedoria: - Sou de quem me quer!

Tenho amigos irmãos, irmãos amigos...

Pessoas que posso contar, pessoas que dividiram uma vida comigo e já outras que nunca saberão o quão é gostoso um abraço, afago, beijo, o escutar e o quanto é importante ter um lugar na vida de alguém.

E você que não tem isso ou por algum motivo desprezou um amigo...

Boa tarde, bju e por favor não me liga!

Afinidade

A afinidade não é o mais brilhante, mas o mais sutil,

delicado e penetrante dos sentimentos. É o mais independente.

Não importa o tempo, a ausência, os adiamentos,

as distâncias, as impossibilidades. Quando há afinidade,

qualquer reencontro retoma a relação, o diálogo, a conversa,

o afeto no exato ponto em que foi interrompido.

Afinidade é não haver tempo mediando a vida.

É uma vitória do adivinhado sobre o real.

Do subjetivo para o objetivo.

Do permanente sobre o passageiro.

Do básico sobre o superficial.

Ter afinidade é muito raro.

Mas quando existe não precisa

de códigos verbais para se manifestar.

Existia antes do conhecimento, irradia durante

e permanece depois que as pessoas deixaram de estar juntas.

O que você tem dificuldade de expressar a um não afim,

sai simples e claro diante de alguém com quem você tem afinidade.

Afinidade é ficar longe pensando parecido

a respeito dos mesmos fatos que impressionam,

comovem ou mobilizam.

É ficar conversando sem trocar palavras.

É receber o que vem do outro com aceitação

anterior ao entendimento.

Afinidade é sentir com. Nem sentir contra,

nem sentir para, nem sentir por, nem sentir pelo.

Quanta gente ama loucamente, mas sente contra o ser amado.

Quantos amam e sentem para o ser amado, não para eles próprios.

Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo.

É olhar e perceber. É mais calar do que falar,

ou, quando é falar, jamais explicar: apenas afirmar.

Afinidade é jamais sentir por.

Quem sente por, confunde afinidade com masoquismo.

Mas quem sente com, avalia sem se contaminar.

Compreende sem ocupar o lugar do outro.

Aceita para poder questionar. Quem não tem afinidade,

questiona por não aceitar.

Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças.

É conversar no silêncio, tanto nas possibilidades exercidas

quanto das impossibilidade vividas.

Afinidade é retomar a relação no ponto em que parou

sem lamentar o tempo de separação.

Porque tempo e separação nunca existiram.

Foram apenas oportunidades dadas (tiradas) pela vida,

para que a maturação comum pudesse se dar.

E para que cada pessoa pudesse e possa ser,

cada vez mais a expressão do outro

sob a forma ampliada do eu individual aprimorado.

Texto Artur da Távola

domingo, 19 de julho de 2009

Compreensão e Paciência

No caminho onde o amor impera, existe uma felicidade guardada que ora se derrama, ora se dosa a conta-gotas quase que para provocar um receio. É que não estamos nunca de todo conquistados e até os laços mais eternos também têm suas fragilidades.
E, ao mesmo tempo em que numa relação saudável podemos ser tão transparentes, há um pequeno mistério a ser constantemente desvendado.Como se em determinados momentos, tivéssemos que segurar o suspiro, ou guardar a frase de efeito para hora mais adequada. Como quando mesmo com muita vontade de dormir junto, tivéssemos que escolher a saudade pra valorizar aquele abraço.
Amor assusta e dói, mesmo quando é só prazer.Toda possibilidade de passo contém em si a do tropeço.
E é assim que a vida trama o inusitado para que a alegria não se esvazie na previsibilidade dos tempos. Não existe fórmula para que o amor dê certo, posto que tudo é tão dinâmico sempre.Mas existem duas virtudes que suavizam quaisquer conflitos: a compreensão e a paciência. Compreender é um exercício de alteridade: você, ao invés de julgar, se coloca no lugar do outro numa passividade profunda até que haja sentido nas atitudes, pensamentos e argumentos dele.
E a paciência que se precisa ter pra esperar os processos, o amanhecer, a chegada do fim da tarde pro reencontro.Paciência para esperar que todos os sentimentos se acomodem em meio a todo aquele amor desmesurado.Em meio a todo aquele medo de que tudo dê errado.Compreensão e paciência podem preencher o vazio mais maciço.E as duas provêm de uma sensibilidade lapidada. O que se ganha com isso, além de uma evolução mútua dentro de um relacionamento, é um melhoramento individual de ambas as partes.Estar com alguém sem transformar-se é esterilizar uma importante etapa de aprendizado.Estar com alguém sem conhecer-se é subjugar o Universo que existe em cada um.Estar com alguém sem estar inteiro é minar a oportunidade mais especial de encontro.
Não é preciso aceitar para compreender, nem estar passivo pra ser paciente. O que essas duas virtudes exigem é respeito: por si, pelo outro e pelo desenrolar dos fatos.Quando estamos UNOS com o TODO podemos perder o ritmo na Dança do Universo, mas permaneceremos sempre de mãos dadas.
Autoria: Marla de Queiroz

"um amor LIVRE que se pronuncia ETERNO"

"Agradeço a vc, Universo, por me permitir sentir e trocar, viver e aprender, ser feliz para sempre num fim de semana e nele experimentar todos os extremos de um amor LIVRE que se pronuncia eterno. E que será sempre a síntese da pintura em que as cores não se misturam, mas que, uma sem a outra, anulam a poesia."
Ass: SEU POETA PARTICULAR

sábado, 18 de julho de 2009

My Life Would Suck Without You

By Kelly Clarkson ...

Guess this means you're sorry You're standing at my door Guess this means you take back All you said before Like how much you wanted Anyone but me Said you'd never come back But here you are again 'Cuz we belong together now, yeah Forever united here somehow, yeah You got a piece of me And honestly My life would suck without you Maybe I was stupid for telling you goodbye Maybe I was wrong for tryin' to pick a fight I know that I've got issues But you're pretty messed up too Either way I found out I'm nothing without you 'Cuz we belong together now, yeah Forever united here somehow, yeah You got a piece of me And honestly My life would suck without you Being with you is so dysfunctional I really shouldn't miss you, but I can't let you go Oh yeah Cuz we belong together now, yeah Forever united here somehow, yeah You got a piece of me And honestly My life would suck without you Cuz we belong together now, yeah Forever united here somehow, yeah You got a piece of me And honestly My life would suck without you

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Fazemos assim então: (?)

Fazemos assim, você ai e eu aqui. Sem essa de remoer o que passou sem querer descobrir o que já é evidente: somos e pensamos diferente.

Não ouvir e nem ver mais você dizer que estou assim ou que ajo de tal forma.

O que importa escutar você, se o que penso ou digo não serve como verdade, só a sua verdade esta ali no altar exposta diante de todos os olhos.

E ai de quem não a exaltar como se faz a um Deus!

Cansei de ter argumentos, mas porque argumentar o que pra mim já é tranquilo.

Tenho total ciência que a minha vida e as minhas atitudes mudaram muito nos últimos meses – mas também preciso ser humilde e reconhecer que há muito trabalho a ser feito, mas se ninguém se da de conta que já há uma nova fachada, que o jardim foi repaginado, que mudei os moveis da sala e que há um jogo novo de talheres na cozinha.

Você mesmo quem disse que eu deveria fazer as coisas por mim e tenha certeza meu amado é o que estou fazendo nos últimos meses.

Não quero mais perder tempo, quero sim poder dividir a minha vida, meus problemas (e a resolução deles também), dividir meu dias, noites...

Ter segurança, tranquilidade e poder estar em um relacionamento que acredita que pode dar certo hoje, manha e no "infinito".

Fazemos assim então: (?)

sexta-feira, 10 de julho de 2009

AMIZADE

"Não é receber, é dar. Não é magoar, é incentivar. Não é descrer, é crer. Não é criticar, é apoiar. Não é ofender, é compreender. Não é humilhar, é defender. Não é julgar, é aceitar. Não é esquecer, é perdoar. Amizade...

É simplesmente AMAR".

Amigos, irmãos...

Pessoas que se conhecem no olhar, no tom da voz...

Apenas olhar e perceber que a ligação é evidente

Horas no MSN, telefone, almoços, cinema...

Lagrimas, sorrisos e brigas sem sentido

Minha amiga querida sei tanto de você e você de mim...

Cumplicidade, segredos...

Te amo, quero a tua felicidade, assim como quero a minha!

Feliz aniversário Cry’s!

domingo, 5 de julho de 2009

Taking Chances

By Celine Dion

Quero poder começar do zero, sentir o meu coração bater mais rápido

Sentir o calor surgir do nada, arrepios

Medo do desconhecido e mesmo assim me deixar levar

Quero tanto você comigo, mas como agir, o que fazer ou como fazer?

Quero poder começar do zero, ter a chance de estar com você

Ter a chance de te am...

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Minha vida esta dando voltas e tudo esta tão rápido

Minha vida esta dando voltas, tudo tão rápido

O dia passa e eu não vejo

Meu corpo pede a cama

Minha mente pede sossego

Meus olhos não querem mais ver nada

Minha cabeça dói

Mas mesmo assim sinto um alivio no peito

Como se a minha missão "dia" estivesse sido concluída com êxito

Meu coração esta tranquilo

Esta tudo bem

Esta?

Na verdade falta eu acertar alguns pontos

Falta eu te encontrar

E te dizer o quanto sou completo quando estou com você

O tempo dirá qual é o melhor caminho

Melhor atitude

Tempo...

Minha vida esta dando voltas e tudo esta tão rápido

O dia passa e eu não vejo você

Meu corpo

Minha mente

Eu...

Você...

Tattoo

by Jordin Sparks

Outra versão, essa é exclusiva! Você um dia disse que seria assim... Será?