Battlefield

By Jordin Sparks

Exatamente, porque brigar? De tantas perguntas sem nenhuma resposta essa é a que mais fico tentando desvendar. Porque diante de tantos momentos de amor e de entrega precisamos nos apegar ao passado, a coisas pequenas e que no fundo sabemos que não tem importância nenhuma.


Perder tempo quando não há mais tempo, pode isso? Tem cabimento?
Sinceramente não...


Estou correndo contra o vento e o pior, nem sinto o vento contra o meu rosto de tão anestesiado que estou. Anestesiado para não sentir, pensar, chorar, sonhar...


Queria apenas pegar na tua mão, mas em uma palavra nos afastamos. Forço a minha cabeça entender que isso tudo é resultado de um mix de tristeza e um saudosismo prematuro, pois a distância/saudade já esta batendo na porta e prefiro imaginar que isso do que pensar que seja o indício de que não possamos estar juntos hoje e nem na volta sem data prevista.


Infinito pra sempre será, mas a dor de não aproveitar os últimos segundos, minutos... essa já não será mais reversível.


O que fazer?
Como fazer?

Comentários

o dia q vc souber esta resposta, creia, vc não estará mais ouvindo a pergunta....

Postagens mais visitadas