segunda-feira, 12 de abril de 2010

Quero tudo ao mesmo tempo



Há cinco meses, ou melhor: cinco meses e dez dias que o novo ciclo se iniciou e com isso muitas coisas estão acontecendo na minha vida, coisas que até então estavam desacreditadas, que não me eram permitidas - e pior: por mim mesmo!
Sim, eu sei da responsabilidade que eu tenho sobre meus atos e o que isso me trouxe como resultado. Se me arrependo de algo?
Digamos que arrependimento é uma palavra muito forte, na verdade tenho comigo que tudo na vida deve ser encarado como uma superação diária e que com isso aproveitei tudo do meu jeito e no meu momento. Tudo no seu devido tempo (essa frase deve ser encarada com toda a sua plenitude)...
Viver não tem preço e melhor ainda quando você desfruta tudo com uma sensação imensa de segurança. É assim que me sinto: seguro do que eu quero, do que eu desejo e principalmente o que eu não quero e não desejo pra minha vida.

Ok, mas é preciso admitir que as vezes sinto falta de alguns momentos, quietações e de coisas que até ontem faziam/fazem parte do Novo/Velho Marcos Moraes.

Bom, ai vai uma linha de raciocino: Segue o teu curso carneirinho, tudo no seu devido segundo, minuto e aprenda a caminhar por novos rumos sem perder a tua personalidade, sem querer ser alguém que na verdade não existe e se isso acontecer que aconteça naturalmente, mas não por simples capricho ou vaidade. Por você e pra você!

Sigo saindo, vivendo, me divertindo, mas ainda gosto de ficar quietinho no meu canto curtindo a minha tão amada preguicinha!

Boa Semana!

Nenhum comentário: