sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Palavras terminadas em: E


Pega na minha mão, conversa comigo... Vem e me diz o que realmente acontece (eu não trouxe a minha bola de cristal), preciso ouvir mais - e melhor, eu preciso ser tocado com palavras quentes, vibrantes e (silenciosamente) sinceras. Definitivamente eu preciso!

Não quero meias palavras, já passei da idade de gostar do mistério, de incógnitas – quero o sumo da verdade, todinho ao ponto de saber diferenciar o real do imperfeito.

Te quero imperfeito
Pega no meu braço e fala na minha frente os teus medos – somos humanos, poderemos ser siameses sem parecermos almas gêmeas, por que isso seria buscar a perfeição... Quem disse que sou perfeito ou que eu queira ser um??? Não, na verdade eu te quero errado, errante e mesmo assim ciente de que é capaz de melhorar.

Melhorar?
Não sei não...

To preferindo a realidade, a verdade, a sinceridade, a velocidade, a capacidade, a amizade com muita honestidade, etc, etc, etc,  e por DEUS menos “barbaridades” nesse novo ano... PLEASE!!!

Nenhum comentário: